Posse da diretoria do Observatório Social de Santa Catarina

Evento aconteceu na última segunda-feira, dia 10 de dezembro, na sede da Fecomércio-SC, em Florianópolis.

O Observatório Social do Brasil – Santa Catarina teve mais um momento histórico em seu processo de criação. Na última segunda-feira à noite, dia 10 de dezembro, na sede da Fecomércio-SC, em Florianópolis, foi realizada a Assembleia de constituição e a cerimônia de posse da Diretoria e dos Conselheiros do OSB-SC – incluindo os Conselhos de Administração e Fiscal; o Conselho Superior, integrado por representantes indicados pelos OS’s municipais de Santa Catarina, e um Conselho Consultivo,integrado por representantes das entidades apoiadoras.

A mesa de cerimônias foi composta pelo Presidente Voluntário do Sistema Observatório Social do Brasil, Sr. Ney da Nóbrega Ribas; pelo Presidente do OSB – SC, Sr. Leomir Antonio Minozzo; pelo Presidente do Conselho Regional de Contabilidade de Santa Catarina (CRC/SC),Sr. Marcelo Alexandre Seemann; pelo Presidente do Conselho Superior da FACISC e Presidente do Conselho de Administração do SEBRAE/SC, Alaor Francisco Tissot; pelo Secretário da Rede de Controle de Gestão Pública de SC, Sr. Rodrigo de Bona; e pela Vice-Governadora eleita, Sra. Daniela Reinehr. Também estiveram presentes no evento o Presidente da Fetrancesc, Sr. Ari Rabaiolli, e o Deputado Estadual do PSL, Sr. Osni Mocellin, representando o Governador de Santa Catarina, Sr. Carlos Moisés da Silva.

Em seu discurso, a vice-governadora deu as boas-vindas ao Observatório e abriu as portas para os trabalhos junto ao novo governo do estado. Também disse

se sentir muito honrada com o convite, porque o OSB – SC é uma expectativa que tinham desde a campanha. “Sempre comentávamos que nós pretendíamos abrir o estado de Santa Catarina para que a sociedade organizada nos auxiliasse. E o Observatório Social tem exatamente esse condão,ser um olho dentro do Governo e dentro da gestão. E nós condoamos com os mesmos princípios do Observatório”, declarou.

O OSB-SC é o primeiro Observatório estadual do Brasil e foi criado para observar o bom uso do dinheiro públicos no Governo estadual e Assembleia legislativa. Desde seu lançamento, que ocorreu em outubro de 2018, em um evento na sede da OAB/SC, o Escritório do OSB – SC já está ativo. Estava acompanhando o processo de transição do Governo Estadual e preparando relatórios sobre a situação dos órgãos executivo e legislativo. O resultado do trabalho feito até agora foi apresentado durante a cerimônia.

O senhor Alaor Francisco Tissot disse esperar que, com a implantação do Observatório Social estadual, mais observatórios municipais sejam implantados. “Agora, com esse pessoal todo que foi empossado,é possível prestar uma melhor atenção com o público, para que entendam mais oque faz um observatório social. Encontrar pessoas que podem ajudar na criação de novos OS’s, cobrindo assim todo o estado e diminuindo os desvios e desperdícios de dinheiro público que ainda existem”, opinou

A diretoria, que tomou posse na cerimônia, é formada pelo presidente Leomir Antonio Minozzo (OSB-Blumenau), e pelos Vice-presidentes Carlos Wolowski Mussi (OSB-Florianópolis), Assuntos Administrativo-financeiros;Armelindo Carraro (OSB-Chapecó),  Assuntos Institucionais e de Alianças; Glauber Recco (OSB-Morro da Fumaça), assuntos de Produtos, Metodologia e Certificação;  Vanessa Mafra Pio (OSB-Rio do Sul), Assuntos de Comunicação; Fabiano Ventura dos Santos (OSB-Lages), Assuntos de Tecnologia da Informação; e Evandro Carlos Gevaerd (OSB-Brusque), Assuntos de Controle e Defesa Social.

O Presidente Leomir Antonio Minozzo em seu discurso de posse, falou sobre os objetivos do OSB-SC, destacando um projeto de expansão para a criação de Observatórios em todos os municípios catarinenses com mais de 50 mil habitantes, cobrindo uma população de 62% da população doestado.

“É um sonho realizado, estamos trabalhando nesse projeto a muito tempo. É um trabalho que será realizado por muitas mãos,pois precisamos de responsabilidade, desafio e atitude para fazer a diferença no controle social, na economia do recurso público, nos mecanismos de transparência e no apoio ao bom gestor público”, afirmou Minozzo.

Formam os conselhos:

Conselho Fiscal

  • Ronaldo Medeiros Ferreira (OSB-Imbituba)
  • Jean Sandro Pedroso (OSB-Rio do Sul)
  • Daniela Zimmermann Schmitt (OSB-Florianópolis)

Conselho Superior

  • OSB – Balneário Camboriú: Antônio Cotrim
  • OSB – Blumenau: Marcos Bellicanta
  • OSB – Brusque: Claudemir Marcola
  • OSB – Caçador: Sirlei Braghini
  • OSB – Chapecó: Luiz Augusto Gemelli
  • OSB – Concórdia: Antônio Brighenti
  • OSB – Criciúma: Carlos Antonio Ferreira
  • OSB – Florianópolis: Roberto Zardo
  • OSB – Forquilhinha: Adalberto Michels
  • OSB – Içara: Adriana Mara de Oliveira
  • OSB – Imbituba: Moacir dos Santos Vinci
  • OSB – Indaial: Sergio Cadore
  • OSB – Itajaí: Paulo Sabatke Filho
  • OSB – Itapema: Fernando Augusto do Espírito Bento
  • OSB – Joinville: Alexsandro Schu
  • OSB – Lages: Sergio João Dalagnol
  • OSB – Mafra: Francisco Kenji Nishioka
  • OSB – Morro da Fumaça: Camila Bueno Alfredo
  • OSB – Navegantes: Aldo Decker
  • OSB – Palhoça: Anderson Silveira de Souza
  • OSB – Pinhalzinho: Wilson Cesar Savegnago
  • OSB – Rio do Sul: Eder Cleiton Nardelli
  • OSB – São Bento do Sul: Ernesto Augusto Garbe
  • OSB – São Francisco do Sul: Luciane Garcez
  • OSB – Tubarão: Douglas Antunes
  • OSB – Xaxim: Suelen Ribeiro Pegoraro

Conselho Consultivo

  • COFEM – FACISC: Gilson Zimmermann
  • COFEM – FETRANCESC: Ari Rabaiolli
  • COFEM – FIESC: Dr. André Luiz de Carvalho Cordeiro
  • CRA SC: Evandro Fortunato Linhares
  • CRC SC: Marcello Alexandre Seemann
  • COFEM – FAESC: José Zeferino Pedrozo
  • COFEM – FCDL/SC: Ivan Roberto Tauffer
  • COFEM – FECOMÉRCIO: Bruno Breithaupt
  • COFEM – FAMPESC: Alcides Andrade
  • Grande Loja de Santa Catarina: Flávio Rogério Pereira Graff
  • GOB SC – Grande Oriente do Brasil: Adalberto Aluizio Eyng
  • GOSC – Grande Oriente de Santa Cataria: Rubens Ricardo Franz
  • OAB SC: Dr. Paulo Marcondes Brincas
  • OCESC: Luiz Vicente Suzin

Fonte: Observatório   Social do Brasil

Categories: Notícias

Deixe uma resposta


Mantenedores


Sobre


Somos uma associação civil, sem fins lucrativos, apartidária, fundada em 25 de agosto de 2014 e mantida pelos próprios cidadãos, especialmente pela Sociedade Civil Organizada. É uma ferramenta eficiente de controle social e monitoramento dos gastos públicos municipais. Está vinculado ao Observatório Social do Brasil (OSB).

Endereço


Rua Coelho Neto, 191, Sala 209, Centro
CEP 89.160-155 – Rio do Sul – Santa Catarina
Telefone: (47) 3300 0418 | (47) 3300 0420
E-mail: riodosul@osbrasil.org.br

Mapa